Jump to content

Turbine o seu Perfil

Confira a atualização e participe do clube!
Clique e saiba mais

Junte-se ao Clube de Membros VIP

Tenha destaque e diversos benefícios!
Confira Aqui

Acesse nosso Discord

Conheça nossos canais interativos
Confira Aqui
Notícia
  • Adquira já o seu VIP!

Recommended Posts

Introdução

 

O cabo coaxial foi o primeiro cabo disponível no mercado, e era até a alguns anos atrás o meio de transmissão mais moderno que existia em termos de transporte de bits, embora ainda hoje seja usado para a mesma finalidade.

 

Um cabo coaxial consiste em um fio de cobre rígido que forma o núcleo, envolto por um material isolante que por sua vez é envolto em um condutor cilíndrico, freqüentemente na forma de uma malha entrelaçada. O condutor externo é coberto por uma capa plástica protetora, que evita o fenômeno da indução, causada por interferências elétricas ou magnéticas externas.

 

Características

 

O cabo coaxial mantém uma capacidade constante e baixa, independente do seu comprimento, o que lhe permite suportar velocidades da ordem de megabits/segundo, sem a necessidade de regeneração do sinal e sem distorções ou ecos.

 

A forma de construção do cabo coaxial lhe oferece uma boa combinação de alta banda passante e excelente imunidade a ruídos e, por isso, eram o meio de transmissão mais usado em redes locais.

 

A figura abaixo mostra os componentes utilizados nas conexões com cabos Thin Ethernet. Os conectores ”T” são acoplados ao conector BNC da placa de rede, e nele são conectados os cabos que ligam o PC aos seus vizinhos. O terminador deve ser ligado no último conector “T” da cadeia.

 

HARD-060.JPG

 

Vantagens e Desvantagens

 

Algumas vantagens do cabo coaxial: baixos custos de implementação, topologia simples de implementar, resistência à ruídos e interferências.

 

Algumas desvantagens do cabo coaxial: distâncias limitadas, baixo nível de segurança, dificuldade em fazer grandes mudanças na topologia da rede.

 

 

 

Classificação

 

Dois tipos de cabo coaxial são bastante utilizados:

 

  • Coaxial fino (Thin Ethernet - 10Base2)
     
     
  • Coaxial grosso (Thick Ethernet - 10Base5)
     

Existem cabos com impedância de 50 Ohms, 93 Ohms, 95 Ohms, 100 Ohms. Descreveremos a seguir as características físicas e dimensionais de alguns cabos existentes no mercado de acordo com a sua impedância citadas acima.

 

9yXOmbyTTYKTYrVnGqyYJg.png

 

Cabo Coaxial Fino (10Base2)

 

Image8.gif

 

O cabo coaxial fino, também conhecido como cabo coaxial banda base ou 10Base2, é o meio mais utilizado em redes locais. A topologia mais utilizada é a topologia em barra.

 

O método de acesso ao meio usado em cabos coaxiais finos é o detecção de portadora, com detecção de colisão.

 

Sua instalação é facilitada devido ao fato de que o cabo coaxial fino é mais maleável.

 

Possui maior imunidade a ruídos eletromagnéticos de baixa freqüência, pois sofre menos reflexões, devido às capacitâncias introduzidas na ligação das estações do cabo, do que o cabo grosso.

 

c8feKuEGSDeqoBeSWHdjQw.png

 

Cabo Coaxial Grosso

 

Image9.gif

 

O cabo coaxial grosso, também conhecido como cabo coaxial de banda larga ou 10Base5 ou "Mangueira de jardim amarela", é utilizado para transmissão analógico.

 

Em redes locais, a banda é dividida em dois canais ou caminhos: caminho de transmissão (Inbound) e, caminho de recepção (Outbound).

 

É muito utilizado para aplicações em redes locais com integração de serviços de dados, voz e imagens.

 

Necessita de amplificadores analógicos periódicos, que transmitem o sinal num único sentido, assim, um computador que envia um pacote não será capaz de alcançar os computadores a montante dele se houver um amplificador entre eles. Para solucionar este problema foram criados os sistemas com cabo único e com cabo duplo. No cabo duplo, toda transmissão é feita no cabo 1 e toda recepção ocorre no cabo 2. No cabo único, é alocado bandas diferentes de frequência para comunicação, entrando e saindo por um único cabo.

 

Sua instalação requer prática e pessoal especializado.

 

xPOoKiRjQcWzFiGvSbBC4g.png

 

Montagem de cabos Thin Ethernet

 

Atualmente não se montam redes usando cabos coaxiais, já que caíram em desuso. Mas é possível que se precise dar manutenção nessas redes, o que inclui a confecção de cabos. Se esta operação é feita de forma esporádica, pode-se encomendar cabos sob medida em lojas especializadas. Como também esses cabos podem ser montados. O material necessário e as ferramentas são encontrados em lojas especializadas em equipamentos e suprimentos para redes.

 

A figura abaixo mostra duas ferramentas necessárias à montagem de cabos coaxiais. A primeira serve para desencapar o cabo, e a outra é um alicate crimpador, usado para fixar o conector no cabo.

 

Ferramentas usadas na montagem de cabos coaxiais.

HARD-094.JPG

 

O conector BNC é vendido desmontado, como mostra a figura a seguir. Um pino central deve ser fixado no condutor mais interno do cabo. A parte maior do conector fará contato com a blindagem externa. Uma peça metálica adicional firmará o cabo no conector.

 

Peças que formam um conector BNC.

HARD-095.JPG

 

Corte o cabo e introduza-o no anel metálico. A seguir desencape o cabo como mostra a figura abaixo, usando a ferramenta apropriada. Note que o cabo coaxial RG58 é formado por quatro camadas, de dentro para fora:

 

  • Condutor intero
     
     
  • Isolador plástico
     
     
  • Malha condutora externa
     
     
  • Capa plástica
     
     
     
     

Desencapando o cabo.

HARD-096.JPG

 

Observe que o tubo metálico externo, a esta altura já posicionado no cabo, ficará sobre a sua capa plástica externa. Já a extremidade do conector BNC, mostrada na figura a seguir, deverá ficar sob a malha condutora do cabo.

 

Conector BNC e tubo metálico externo.

HARD-097.JPG

 

 

Corte o excesso da malha externa e junte o tubo metálico ao conector. Use o alicate crimpador para prender este tubo ao conector.

 

Nas lojas que vendem o material para a construção desses cabos, podemos ainda encontrar uma jaqueta plástica externa para o conector, como no cabo que vemos na próxima figura. Esta jaqueta deve ser encaixada no cabo antes da montagem do conector. Depois que o conector está fixado ao cabo, juntamos a jaqueta com o conector, dando maior rigidez e um acabamento profissional.

 

 

Cabo coaxial pronto.

HARD-098.JPG

 

 

[spoiler=Fonte]

Hidden Content

    Give reaction or reply to this topic to see the hidden content.

 

 


 

 

qRXaV1L.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×
×
  • Create New...